DICTUM

A-f

  • A filosofia não tem nenhuma preocupação.
  • A filosofia tanto é contemplativa como ativa: ela observa e ao mesmo tempo age.
  • A filosofia te promete a coisa mais importante, que é te reconduzir a ti mesmo.
  • A filosofia, pois, é o cultivo do espírito.
  • A fim de que ela dê luz a todos os que estão na casa.
  • A fin de año, remienda tu paño.
  • A fin on a ce que on a mérité, seure chemin va y suyt la vérité.
  • A finalidade do amor é que dois se tornem um só pela vontade e pela amizade.
  • A fine horse shows through even if draped in sackcloth.
  • A fine Italian hand.
  • A fine line between something.
  • A fine line.
  • A fine state of affairs.
  • A fine usque ad finem.
  • A finicky man ends up marrying a bald girl.
  • A finstere cholem auf dein kopf und auf dein hent und fiss.
    en] You should have a nightmare! (lit., a dark dream on your head and on your hands and feet).
  • A fio rouba o moleiro, e mais dão-lhe pão.
  • A firmeza de espírito.
  • A firmeza do espírito formará o caráter excelente.
  • A fischt gar gerne im Trüben.
  • A fish is caught by its head.
  • A fish out of water.
  • A fishbowl.
  • A fishing expedition.
  • A fisionomia é o espelho da alma.
  • A fisionomia revela a intenção.
  • A fita confita.
  • A fittert zererst 's Grumd, dernô 's Hiä.
    Böhmisch-Friedland
    i] Ein Bauer aus Lusdorf (Dorf in der Herrschaft Friedland in Böhmen), der drei Töchter hatte, wurde angegangen, die jüngste derselben einem jungen Mann zur Frau zu geben. Da ihm daran lag, vor der jüngsten Tochter die zwei ältesten zu verheiraten, antwortete er dem Bewerber: 'Ich fitter' zererst 's Hiä, dernô 's Grumd.' Verfährt nun jemand in entgegengesetzter Weise, so wendet man die obige Redensart an.
  • A fitting expression makes a good impression.
    jiddisch] A guter oysdruk makht a gutn ayndruk.
  • A fiume famoso non andar a pesca.
  • A fiume torbido guadagno di pescatori.
  • A fiume turbido guadagno del piscatore.
  • A fiúza de conde, não mates o homem, que morrerá o conde e o homem.
  • A fiúza de parentes, cata que merendes.
  • A fiúza de parentes, não deixes de guarda que merendes.
  • A five-alarm fire.
  • A flash in the pan.
  • A flea in ear.
  • A flea in his ear.
  • A flea in one's ear.
  • A flecha lançada ao céu retornará sobre quem a lançou.
  • A flecha mortal está enterrada em seu flanco.
  • A flecha não torna depois de lançada.
  • A flennt wie a Kind.
  • A flight of fancy.
  • A Floj känn auch beißen.
  • A flood (o. torrent) of insults.
  • A flor dos santos.
  • A flores nuevas, afeite perdido.
  • A flucht de Sternla vom Himmel runder.
  • A flutter in the dovecote.
  • A flux de ventre, l'eau n'entre pas.
  • A fly and a friar will fall in every dish and matter.
  • A fly in the ointment.
  • A fly is a small thing, but it makes you sick.
  • A fly on the wall.
  • A foal exceeds his father.
  • A Fôglar diar so êder sjong, gung a Kâter iar inj aauer a dik me (wegh me üüb a Dâi).
    Amrum
    de] Die Vögel, die so früh singen, mit denen geht die Katze über den Deich (am Tage weg).
  • A fogo e ferro.
  • A foi et et l'oeil ne se touche.
  • A foiler tut in tsveyen.
    en] A lazy person has to do a task twice.
  • A fol adventureux n'est métier d'Etre sage.
  • A fol conteur, sage escouteur.
  • A folle demande il n'y faut point de réponse/responce.
  • A folle demande, point de réponse.
  • A fome adoça as favas.
  • A fome adoça tudo, menos a si mesma.
  • A fome aguça a inteligência dos seres vivos.
  • A fome aguça o mau-humor.
  • A fome alheia faz prover minha ceia.
  • A fome alheia me faz perder a eira.
  • A fome ameaçava os que ficaram; violenta peste ameaçava os que avançaram.
  • A fome boceja, a fartura arrota.
  • A fome carrega nas costas a justiça.
  • A fome chega à porta do oficial e não pode entrar.
  • A fome chega à porta do oficial, mas não ousa entrar.
  • A fome dá ao pobre o direito sagrado de importunar o rico.
  • A fome de ouro se torna maior pelo próprio ouro adquirido.
  • A fome e a impaciência lançam a bile no nariz.
  • A fome é a melhor cozinheira.
  • A fome é a melhor mostarda.
  • A fome é a mestra das artes.
  • A fome e a sede enfraquecem os corpos.
  • A fome e a sede põe a lebre a caminho.
  • A fome e a sede põem a lebre a caminhar/caminho.
  • A fome é boa cozinheira.
  • A fome é boa mostarda.
  • A fome é inimiga da alma.
  • A fome é inimiga da virtude.
  • A fome é má conselheira.
  • A fome é mestra.
  • A fome é negra.
  • A fome e o frio põem/matem a lebre a caminho.
  • A fome é o melhor cozinheiro.
  • A fome é o melhor tempero da comida, da bebida é a sede.
  • A fome é o melhor tempero.
  • A fome é o tempero da comida e a sede, da bebida.
  • A fome é o tempero da comida, e a sede é o tempero da água.
  • A fome é o tempero da comida.
  • A fome é uma grande mestra.
  • <<< 1 2 3 4 5 6 7 8 >>>

    alphabetical
    A-a A-b A-c A-d A-e A-f A-g A-h A-i
    A-j A-k A-l A-m A-n A-o A-p A-q
    A-r A-s A-t A-u A-v A-w A-y A-z
    Aa Ab Ac Ad Ae Af Ag Ah Ai Aj Ak Al Am
    An Ao Ap Aq Ar As At Au Av Aw Ax Ay Az
    Ba Be Bi Bj Bl Bo Br Bs Bu By

    keywords
    Aa Ab Ac Ad Ae Af Ag Ah Ai Ak Al Am An Aq Ap Ar As At Au Av Aw Ax Az
    Ba Be Bi Bl Bo Br Bu By
    Ca Ce Ch Ci Cl Co Cr Cu Cy
    Da

    DICTUM operone