DICTUM

Sprichwort, adage, proverb, saw, saying, byword, proverbe, proverbio, refrán, frase proverbial, ditado, provérbio, przysłowie, Redensart, colloqualism, idiom, expression, phrase, tournure, poncif, dicton, expresión, frase hecha, locución, frase fatta, modo di dire, expressão idiomática, powiedzenie, powiedzonko, Zitat, quotation, citation, excerpt, quote, cita, citazione, detto, sentenza, passo, citação, Sentenz, sententia, proverbium, adagio, adagium, locutio, dictum, Spruch, carmen, elogium, pronuntatio, Redensart, phrase, collocation, locution

  • A velhice é uma doença incurável.
  • A velhice é uma doença.
  • A velhice é uma grande doença.
  • A velhice é uma idade ruim, é portanto um mau negócio.
  • A velhice é uma mercadoria ruim.
  • A velhice é uma mutilação completa: ela tem tudo, mas tem falta de tudo.
  • A velhice é uma verdadeira doença.
  • A velhice faz o homem prudente.
  • A velhice imprime mais rugas no espírito que no rosto.
  • A velhice longa é cheia de males.
  • A velhice mesma é uma doença.
  • A velhice não costuma expulsar a falta de juízo.
  • A velhice não está nos anos.
  • A velhice não faz os homens comedidos.
  • A velhice não presta, mas todos a querem.
  • A velhice não tem cura.
  • A velhice não traz nenhuma vantagem.
  • A velhice não vem só.
  • A velhice nos acrescenta anos, mas não virtudes.
  • A velhice nunca vem só.
  • A velhice sempre foi venerada em nossa cidade.
  • A velho recém-casado, rezar-lhe por finado.
  • A velocidade que emociona é a mesma que mata.
  • A veloz roda da fortuna sempre alterna a adversidade à felicidade.
  • A vén ketske is meg nyalja a sót.
  • A vendemmia bagnata la botte è tosto consolata.
  • A Venetia, chi vi nasce, mal vi si pasce.
  • A Venezia chi vi nasce mal si pasce, chi ci viene ci sta bene.
  • A venimeux et à félon doit-on faire si mal non.
  • A venir in giù, ogni cosa aiuta.
    fr] A dégringoler, tout vous pousse.
  • A venir in giù, ogni cosa ajuta.
  • A ventidue viene la Madalena.
  • A ventre farto o mel amarga.
  • A ventre in giù ogni cosa aiuta.
    fr] Tout est bon à prendre pour un ventre affamé.
  • A ventre pieno ogni cibo è amaro.
    var] A ventre pieno ogni cibo sembra amaro.
  • A ventre soûl, cerises amères.
  • A ventu bonu, ugni marinaru hè bonu.
  • A ventu in puppa, gira lu mare ancu una zucca.
  • A ventura maior é a que menos dura.
  • A ventura não vence o merecimento entre sabedores.
  • A ventura pouco dura.
  • A ventura que se realiza deixa de o ser.
  • A ventura, não a tem quem não a busca.
  • A ventura.
  • A ver de cual cuero salen más correas.
  • A ver si como roncas duermes.
  • A ver si se va a creer el agua que no hay vino.
    var] A ver si se va a creer el vino que no hay agua.
  • A ver si voy a echar el trillo por las piedras.
  • A ver vamos /vamos a ver.
  • A vera amicizia hè sola in a virtù.
  • A vera/às veras.
  • A verbal contract isn't worth the paper it's written on.
  • A verbis ad verbera.
    de] Von Worten zu Schlägen.
  • A verbis legis non est recedendum.
    de] Vom Wortlaut des Gesetzes darf man nicht abweichen.
  • A verbis legis non est recendum.
    de] Von den Worten des Gesetzes gibt es kein Abweichen.
  • A verbis legis non recedendum.
  • A verdade amarga, e a mentira é doce.
    var] A verdade amarga.
  • A verdade amarga.
  • A verdade anda na herdade.
  • A verdade aparece à luz, mesmo quando não é procurada.
  • A verdade bem se vê.
  • A verdade brilha.
  • A verdade com o tempo se descobre.
  • A verdade combatida brilha mais.
  • À verdade convém linguagem simples, e ela não precisa de muitos nem variados rodeios.
  • À verdade convém linguagem simples.
  • A verdade convence ensinando, não ensina convencendo.
  • A verdade da boca do mau deve tomar-se com salva.
    var] A verdade da boca do mau deve-se tomar com salva.
  • A verdade da coisa não se muda pelo nosso afirmar ou negar.
  • A verdade dá estima, e a mentira, privança.
  • A verdade deve ser amada e seguida acima de tudo.
  • A verdade dispensa enfeites.
  • A verdade do Senhor permanece eternamente.
  • A verdade dói.
  • A verdade dura para sempre.
  • A verdade é amarga.
  • A verdade é apanhar.
  • A verdade e as rosas têm espinhos.
  • A verdade é clara, e a mentira sombra.
  • A verdade é clara, e a mentira, sombra.
  • A verdade é clara; a mentira, sombra.
  • A verdade é como o azeite: sempre vem à tona.
  • A verdade é como o azeite: vem sempre à tona.
    var] A verdade é como o azeite: vem sempre ao lume d'água.
  • A verdade é dura nos vícios e doce nas adversidades.
  • A verdade é fácil de entender-se.
  • A verdade é falar claro.
  • A verdade é ferida, mas não pode morrer.
  • A verdade é filha de Deus.
    var] A verdade é filha do tempo.
  • A verdade é filha do tempo, não da autoridade.
  • A verdade é filha do tempo.
  • A verdade é grande e mais forte que tudo.
  • A verdade é imutável e perpétua.
  • A verdade é incômoda, pois dela nasce o ódio, que é o veneno da amizade.
  • A verdade é indivisa, e o que não é totalmente verdadeiro não é meio verdadeiro, mas totalmente falso.
  • A verdade é manca, mas chega sempre a tempo.
  • A verdade e o azeite andam à tona d'água.
    var] A verdade e o azeite andam de cima.
    var] A verdade e o azeite andam sempre ao de cima.
    var] A verdade e o azeite bóiam sobre a falsidade.
    var] A verdade e o azeite sempre bóiam acima d'água.
  • A verdade é o melhor pecúlio da vida.
  • A verdade é o pecúlio mais seguro da vida.
  • A verdade é o que é.
  • A verdade é oprimida, não suprimida.
  • A verdade é poderosa e prevalece.
  • A verdade é poderosa e prevalecerá.
  • A verdade é poderosa e sempre domina sobre todas as coisas, e sempre vence, ainda quando seja ferida pelos mortais.
  • A verdade é poderosa, mas rara.
  • A verdade é sempre a mesma em todas as suas partes.
  • A verdade é sempre uma só.
  • A verdade é vencedora.
  • A verdade é vencida pela força.
  • A verdade está no fundo do poço.
  • A verdade está no meio.
  • A verdade está no vinho.
  • A verdade gera ódio, a lisonja faz amigos.
  • A verdade honesta causa dano aos homens honestos.
  • A verdade jaz no fundo do poço.
  • A verdade liberta.
  • A verdade logo vai por diante.
  • A verdade manda Deus que se diga.
  • A verdade muitas vezes examinada brilha mais.
  • A verdade muitíssimas vezes sofre, mas nunca é extinta.
  • A verdade não admite mais nem menos.
  • A verdade não anda com passos tortuosos.
  • A verdade não busca esconderijos.
  • A verdade não cora de vergonha.
  • A verdade não desaparece jamais.
  • A verdade não pode vir do falso.
  • A verdade não quer enfeites.
  • A verdade não sofre dissimulação.
  • A verdade não sofre estar muito tempo encoberta.
  • A verdade não sofre estar por muito tempo encoberta.
  • A verdade nua e crua.
  • A verdade nunca morre.
  • A verdade oculta vem à luz na hora certa.
  • A verdade odeia esperar.
  • A verdade penetra mais no espírito dos homens pela garantia dos olhos do que pelos ouvidos.
  • A verdade permanece e se fortifica continuadamente, e vive e se conserva para sempre.
  • A verdade permanecerá de pé, e a fé crescerá.
  • A verdade pode ser combatida, mas não vencida.
  • A verdade pode ser combatida, mas nunca vencida.
  • A verdade pode sofrer, mas não pode ser vencida.
  • A verdade por si se descobre.
  • A verdade prevalecerá.
  • A verdade provoca o ódio, a felicidade faz nascer a soberba, o descuido causa o perigo, a familiaridade gera o desprezo.
  • A verdade provoca ódio.
  • A verdade provoca ódios.
  • A verdade sai da boca das crianças.
  • A verdade se corrompe ou com a mentira ou com o silêncio.
  • A verdade sempre aparece.
  • A verdade sempre se apresenta honestamente.
  • A verdade sempre vem à tona.
  • A verdade será combatida, mas não será vencida.
  • A verdade só teme ser ocultada.
  • A verdade tem asas.
  • A verdade tem vergonha de estar escondida.
  • A verdade tudo vence.
  • A verdade vem sempre ao lume da água.
  • A verdade vence.
  • A verdade voltará para aqueles que a praticam.
  • A verdade vos libertará.
  • A verdade, ainda que amarga, se traga.
  • A verdade, deixe-ma Deus dizer.
  • A verdade, Deus a amou.
  • A verdade, dita por quem quer que seja, vem de Deus.
  • A verdade, e o azeite andaõ de cima.
  • A verdade.
  • A verdadeira afeição na longa ausência se prova.
  • A verdadeira amizade dura uma eternidade.
  • A verdadeira beleza permanece, a falsa desaparece.
  • A verdadeira beneficência dos governantes é a justiça.
  • A verdadeira caridade começa em casa.
  • A verdadeira coragem tem sempre algum recurso.
  • A verdadeira glória está na virtude.
  • A verdadeira glória lança raízes e até se multiplica; tudo que é falso, dura pouco, como as florezinhas; e nada fingido pode ser duradouro.
  • A verdadeira glória se deve ao verdadeiro valor.
  • A verdadeira igualdade existe no túmulo, e não existe senão lá.
  • A verdadeira lei da história é a verdade.
  • A verdadeira religião é a base do estado.
  • A verdadeira riqueza ninguém nos tira.
  • A verdadeira sapiência destrói a falsa.
  • A vergonha de si próprio é o maior suplício da vida.
  • A vergonha dos médicos.
  • A vergonha é freio das culpas e a verdade das desordens do mundo.
  • A vergonha é prejudicial para o necessitado.
  • A vergonha está no crime, não na pena.
  • A vergonha está no crime, não no arrependimento.
  • A vergonha me impede de ousar o que minhas forças se recusariam a executar.
  • A vergonha revela os remorsos que se pretende ocultar.
  • A verità stà in bocca à i zitelli.
  • A verità ùn piaci micca à tutti.
  • A verkriecht sich, wie der Hund vorn Fliegen.
  • A verliert sich wies Quaksilber.
    i] Schmalhans wird Küchenmeister sein, wenn sein Glück sich wie Quecksilber verlieren wird.
  • A vero domino.
  • A verschater Kapzen.
    Jüdisch-deutsch
    i] Vom polnischen Kapcan = Bettler, armer Schlucker, Hungerleider. Von einem armen Teufel, der noch noble Passionen hat. Durch das Wort: 'verschat', das sich im Deutschen nicht wiedergeben lässt, wird ein Ausgelassener bezeichnet.
  • A verschüttet's Wasser kann ma nimmer aufhebn.
  • A vertice usque ad calcem.
  • A verve.
  • A very pretty box with a bow but nothing inside.
  • A verzagte Möntsch (Mensch) isch im Himmel nid sichar.
    Bern
  • A verzunft Moilchen (Mäulchen) machen.
    Schlesien
    i] 'S gieng auch eina verbee, die machte sua verzunft Moilchen, as mar hette sillen a Wirmle os der Gusche ziehn.
  • A veste logorata poca fede vien prestata.
    fr] On ne prête qu'aux riches.
  • A vez.
  • 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120 121 122 123 124 125 126 127 128 129 130 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 141 142 143 144 145 146 147 148 149 150 151 152 153 154 155 156 157 158 159 160 161 162 163 164 165 166 167 168 169 170 171 172 173 174 175 176 177 178 179 180 181 182 183 184 185 186 187 188 189 190 191 192 193 194 195 196 197 198 199 200 201 202 203 204 205 206 207 208 209 210 211 212 213 214 215 216 217 218 219 220 221 222 223 224 225 226 227 228 229 230 231 232 233 234 235 236 237 238 239 240 241 242 243 244 245 246 247 248 249 250 251 252 253 254 255 256 257 258 259 260 261 262 263 264 265 266 267 268 269 270 271 272 273 274 275 276 277 278 279 280 281

    B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
  • operone