DICTUM

Sprichwort, adage, proverb, saw, saying, byword, proverbe, proverbio, refrán, frase proverbial, ditado, provérbio, przysłowie, Redensart, colloqualism, idiom, expression, phrase, tournure, poncif, dicton, expresión, frase hecha, locución, frase fatta, modo di dire, expressão idiomática, powiedzenie, powiedzonko, Zitat, quotation, citation, excerpt, quote, cita, citazione, detto, sentenza, passo, citação, Sentenz, sententia, proverbium, adagio, adagium, locutio, dictum, Spruch, carmen, elogium, pronuntatio, Redensart, phrase, collocation, locution

  • Belua multorum es caput.
    it] (tu o popolo) sei una belva dalle molte teste.
  • Belügt euch nicht gegenseitig.
    la] Nolite mentiri invicem.
  • Belus multorum capitum.
    de] Das vielköpfige Ungeheuer (der Pöbel)
  • Bem acabado.
  • Bem ama quem não se esquece.
    var] Bem ama, quem nunca se esquece.
  • Bem baila a quem a fortuna toca o som.
    var] Bem baila quem a fortuna toca o som.
    var] Bem baila, a quem a fortuna faz o som.
  • Bem canta Martha, depois de farta.
  • Bem canta o Francez, papo molhado.
  • Bem cego é quem muito vê por aro de peneira.
  • Bem cheira a ganância, donde quer que vem.
    var] Bem cheira o ganho, donde quer que venha.
  • Bem com bem, são dois bens.
  • Bem come o vilão, se lho dão.
  • Bem começado é meio acabado.
    var] Bem começado é meio feito.
    var] Bem começado é metade vencido.
  • Bem comprar é gentileza; mal comprar (não) é fraqueza.
  • Bem conhece o demo cujo frangalho rompe.
  • Bem conhece o gato as barbas que lambe.
  • Bem criado e mal fadado.
  • Bem dança a quem a fortuna canta.
    var] Bem dança a quem a fortuna faz o som.
  • Bem de raiz.
  • Bem de senhor não é herdade.
  • Bem decide sobre a guerra, quem está longe dela.
  • Bem dissimular para bem governar.
  • Bem dizer e bem ouvir é a arte de conversar.
  • Bem dizer faz rir, bem fazer faz calar.
  • Bem é o que Deus dá.
  • Bem entendido.
  • Bem esperto é o rato, mas mais é o gato.
  • Bem está o que bem acaba.
  • Bem está São Pedro em Roma, se ele tem que coma.
    var] Bem está São Pedro em Roma.
  • Bem estamos de roupa, se não nos molharmos.
  • Bem estavas em teu ninho, passarinho pinto.
  • Bem estou com meu amigo, que come o seu paõ comigo.
  • Bem fala o são ao doente.
  • Bem falante.
  • Bem falar pouco custa e muito vale.
  • Bem fazer nunca se perde.
    var] Bem fazer nunca se perde; quem mal faz, por mal espere.
  • Bem feito!
  • Bem fiei, pois meu filho criei.
  • Bem fizeste a cama, bem te deitarás nela.
  • Bem folga o lobo com o coice da ovelha.
  • Bem grande é o Marão, mas não dá palha nem grão.
  • Bem haja o pão que presta e a moça que o come.
  • Bem haja quem com os seus se parece.
  • Bem haja!
  • Bem hajam meus bens que remedeiam meus males.
  • Bem hajas, Deus te ajude.
  • Bem jejua quem mal come.
  • Bem joga o da péla, mas perde a ela.
  • Bem lavrar, bem semear.
  • Bem mal ceia quem come de/por mão alheia.
  • Bem mal farás que andes e não comas.
  • Bem manda quem antes bem obedeceu.
    var] Bem manda quem bem soube obedecer.
    var] Bem manda quem soube obedecer.
  • Bem nada quem está fora d'água.
  • Bem não pensa quem não contrapensa.
  • Bem nascidos, bem vestidos, mas só moderadamente cultos.
  • Bem o prega Frei Tomás; façamos o que ele diz e não o que ele faz.
  • Bem parece a guerra a quem está longe dela.
    var] Bem parece a guerra a quem não vai nela.
  • Bem parece a minha comadre, se não fora o 'Deus te salve'.
  • Bem parece merenda alheia em casa cheia.
  • Bem parece o bem fazer.
  • Bem parece o dinheiro entre mim e o meu companheiro.
  • Bem parece o ladrão na forca.
  • Bem parece o rego entre mim e o meu companheiro.
  • Bem particular é aquele que não é de propriedade coletiva.
  • Bem perdido é conhecido.
    var] Bem perdido, he conhecido.
  • Bem prega frei Tomás, fazei o que ele diz e não o que ele faz.
    var] Bem prega frei Tomás; façam o que ele diz, mas não o que ele faz.
  • Bem querer não é ofender.
  • Bem sabe a burra diante de quem zurra.
  • Bem sabe a rola em que mão pousa.
  • Bem sabe ele onde a bugia tem o rabo.
  • Bem sabe mandar quem (bem) soube obedecer.
  • Bem sabe o asno em cuja casa ronca.
    var] Bem sabe o asno, em cuja casa rosna.
  • Bem sabe o demo que frangalho rompe.
  • Bem sabe o gato, cujas barbas lambe.
  • Bem sabe o javali prudente em que vale anda.
  • Bem sabe o sábio que não sabe.
  • Bem saber e bem querer, muito importam para bem viver.
  • Bem sabes onde pões os pés.
  • Bem se canta na sé, mas é quem é.
  • Bem se lambe o gato, depois de farto.
  • Bem se pode criar sem mãe.
  • Bem se vê que há mouro na costa.
  • Bem se vê que isso leva água no bico.
  • Bem talhado.
  • Bem te conheço, meu pau de laranjeira.
  • Bem te quero, bem te quero, mas não te dou meu dinheiro.
  • Bem toucada, não há mulher feia.
  • Bem venhas, mal, se vieres só.
  • Bem-aventurada a gente que tem ao Senhor por seu Deus.
  • Bem-aventurado é o que se contenta com o que tem.
  • Bem-aventurado o homem a quem Deus corrige.
  • Bem-aventurado o homem que encontrou a sabedoria.
  • Bem-aventurado o homem que não escorregou pelas palavras de sua boca.
  • Bem-aventurado o homem que recebeu o dom do temor de Deus.
  • Bem-aventurado o homem que sofre com paciência a tentação.
  • Bem-aventurado o que cuida sobre o necessitado e o pobre.
  • Bem-aventurado o varão cuja esperança é o nome do Senhor e não voltou os olhos para as vaidades e necedades enganosas.
  • Bem-aventurado o varão que não se deixou ir após o conselho dos ímpios.
  • Bem-aventurado o varão que teme ao Senhor.
  • Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus.
  • Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a terra.
  • Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia.
  • Bem-aventurados os mortos que morrem na graça do Senhor.
  • Bem-aventurados os olhos que vêem o que vós vedes.
  • Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus.
  • Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados.
  • Bem-aventurados os que não viram e creram.
  • Bem-aventurados os que observam a lei e praticam a justiça em todo o tempo.
  • Bem-aventurados os que promovem a paz.
  • Bem-aventurados os que se conservam sem mácula no caminho.
  • Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos.
  • Bem-aventurados serão os países, quando governarem os filósofos, ou quando filosofarem os governantes.
  • Bem-aventurados vós, os pobres, porque vosso é o reino de Deus.
  • Bem-feito/mal-feito de corpo.
  • Bem-vindo seja quem dá.
  • Bem/assim como.
  • Bem/mal assombrado.
  • Bem/mal conservado.
  • Bem/mal de dinheiro.
  • Bem/mal feito.
  • Bem/mal inclinado desusado.
  • Bem/mal parado.
  • Bem/mal passado.
  • Bem/mal posto.
  • Bem/mal soante.
  • Bemalte Blumen duften nicht.
  • Bemalung und Punktierung der Körper ist eine Rückkehr zur Tierheit.
    Johann Wolfgang von Goethe (1749-1832), Maximen und Reflexionen 104
  • Bemängeln.
    es] Poner faltas a algo, criticar, censurar.
  • Bematscht sein (in der Birne).
  • Bemerke, höre, schweige, urteile wenig, frage viel.
    August von Platen (1796-1835)
  • Bemerkst du bei jemandem eine schlechte Eigenschaft, so mache dich auf ihre Schwestern gefaßt.
  • Bemerkst du, dass einer im Streit seine äußere Stellung verteidigt, beende schleunigst das Gespräch.
    Lew Nikolajewitsch Tolstoi (1828-1910), Tagebücher (1907)
  • Bemerkt man vom Pferdebahnwagen aus einen Menschenauflauf, so springe man nicht ab, um die Neugierde zu befriedigen und den Verlauf abzuwarten. Man freue sich statt dessen, in Sicherheit zu sein.
    Julius Stettenheim (1831-1916), Der Moderne Knigge
  • Bemin wel and'ren, maar u zelven boven al; zijt aan den goeden goed, doch mijd uw ongeval.
  • Bemitleide den Fremden, auch wenn er reich ist.
  • Bemitleidet die Lebenden, beneidet die Toten.
    Mark Twain, Meine Reise um die Welt
  • Bemm Luchche (Loche) is de Kû fett.
    Schlesien
  • Bemoost sein.
  • Bemooster Bursche zieh' ich aus!
    Gustav Schwab (1792-1850), Gedichte, Lied eines abziehenden Burschen (gedr. 1814); Melodie von Albert Methfessel (1820)
  • Bemüh dich nicht um das Unheil, bis das Unheil dich bemüht.
    England.
    en] Never trouble trouble till trouble troubles you.
  • Bemüh dich nicht, auf einen guten Teller Fleisch, der vor dir steht, zu schauen, aber sieh immer auf das Gesicht, das du liebst.
    Maori, Neuseeland
  • Bemüh lieber deine Füße als dein Gemüt.
  • Bemüh' dich nicht alles wissen zu wollen, sonst lernst du nichts.
    Demookrit, Fragmente
  • Bemühe dich jemand zu sein, der nie bei einer wichtigen Handlung abwesend ist.
  • Bemühe dich nicht!
    en] Don't bother!
  • Bemühe dich täglich, Wissen zu erhalten.
  • Bemühe dich, nicht unter deiner Zeit zu sein.
    i] Georg Christoph Lichtenberg (1742-1799), Aphorismen (Sudelbücher), 1773 - 1775
  • Bemühe lieber deine Füße als dein Gemüt.
  • Bemühe niemals die Sorge, bis die Sorge dich bemüht.
    en] Never trouble trouble till trouble troubles you.
  • Bemuttert (oder bevatert) werden.
  • Ben ama, chi non oblia.
  • Ben calzatu è ben pettinatu: mezu vestutu.
  • Ben caro costa ciò (quello), che con preghiere si compra.
  • Ben che la volpe corra, i polli hanno le ale.
  • Ben conta la madre, ma meglio quello che ha nascere.
  • Ben d'adon.
  • Ben di tree when it young, when it ole it wi bruk.
  • Ben dire val molto, ben fare passa tutto.
  • Ben dire vale assai, ma ben fare più.
  • Ben dire, e mal fare, non è che se con sua voce dannare.
  • Ben diremo, ben faremo, ma mal' và la barca senza remo.
  • Ben è cieco chi non vede il sole.
  • Ben faremo, ben diremo, mal va (la) barca senza remo.
  • Ben finisce, chi considera il fine.
  • Ben giuoca, chi vince.
  • Ben ik een varken, zei kaatje, zoo eet spek van mijn' aars.
  • Ben jis de duivel, ik zal je moêr zijn.
  • Ben l'intese la scimia, che cavò le castagne dal fuoco con le zampe del gatto.
  • Ben men en Esel am Mark schückt, bits bolwel (wird's wohlfeil).
    Ungarisches Bergland
  • Ben more, chi morendo esce di doglia.
  • Ben morire non è morire, ma un rivivere nella vita eterna.
  • Ben muore a chi nemica è la fortuna.
  • Ben parlare è la via del ben vivere.
  • Ben perduto è conosciuto.
  • Ben può andar a piedi, chi ha buon cauallo in stalla.
  • Ben può nulla, chi non morir puote.
  • Ben puoi sapere, ma non ti vale senza avere.
  • Ben s'ode ragionar, si vede il volto, ma dentro il petto mal' giudicar puossi.
  • Ben sà il savio che nulla sà, ma il matto crede saper ogni cosa.
  • Ben sa la botte di qual vino è piena.
  • Ben sarebbe folle chi, quel che non vorria trovar, cercasse.
  • Ben servir acquista amici, e il vero dir nemici.
  • Ben servire procura amici, dire il vero fa nemici.
  • Ben si caccia il diavolo, ma Satana ritorna.
  • Ben si castra, ben si mugne, vecchio matto ch'amor pugne, tempo è alhor di menar l'ugne, e tagliargli giù le sugne.
  • Ben si fida chi diffida.
  • Ben si può giudicar che corisponde, a quello che appar di fuor, quel che s'asconde.
  • Ben sostien' il toro, chi ha portato il vitello.
  • Ben spesso erra, il giudicio humano.
  • Ben spesso si piglian delle volpi.
  • Ben tardi venuto, per niente è tenuto.
  • Ben va al mulino chi c'invia l'asino.
  • Ben venga chi ben porta.
  • Ben venga la vergogna quando ti fa affrontare il pericolo!
    i] Publilio Siro, Sententiae
  • Ben venga maggio co suoi fiori.
  • Ben visti è mal lughjati.
  • Ben vistu è mal allughjatu.
  • Ben' ama chi non oblia, ben fà chi s'humilia.
  • Ben' è folle, chi può hauer piacer' e non lo tolle.
  • Ben' è frutta dura, che il tempo non matura.
  • 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100

    A C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
  • operone